Atraia os melhores (1 de 7): abuse do Skype e Hangout

Até os anos 2000, a maioria das entrevistas de emprego aconteceram face a face, mas desde o advento da Internet banda larga, candidatos e recrutadores não precisam estar na mesma sala (e nem mesmo na mesma cidade) para iniciar uma conversa. Com ferramentas como o Skype e Hangouts, esse hábito ganha cada vez mais espaço na busca pelos melhores talentos.

Para ajudar você e a sua empresa, a Contratado.me utilizou os dados das mais de 3000 entrevistas já feitas em sua plataforma para chegar a insights super interessantes sobre essa nova rotina. Conheça os 3 principais.

[Acesse a segunda parte da série Atraia os melhores devs: Seja rápido no gatilho!]

Insight 1 – Entrevistas por Skype evitam que você feche portas

É claro que em algum momento do processo seletivo você vai querer ter uma interação presencial com o candidato, mas o que os nossos dados mostram é que não precisa ser a primeira. E colocar a exigência de uma primeira entrevista presencial pode fechar portas pra você.

Em primeiro lugar, porque em geral, os melhores candidatos estão atualmente trabalhando enquanto procuram um novo emprego. E isso é refletido nos horários de entrevistas: dentre as milhares de entrevistas já agendadas pela Contratado.me, 52% foram marcadas para antes ou depois do horário de expediente comum.

Além disso, em cidades grandes ou em situações onde o candidato ainda não se mudou para a cidade da sua empresa, pode ser. Em mais de 86% dos casos de contratações em que o candidato mudou de cidade, a primeira entrevista foi por Skype.

 

Nesse sentido, uma primeira entrevista por Skype ou Hangout tem um efeito benéfico duplo:

  • Você evita um efeito de seleção adversa: em português claro, você evita que os candidatos que aceitam seus convites para entrevistar sejam apenas aqueles que estão desesperados por um emprego. Os melhores geralmente não estão desesperados e estão trabalhando.
  • Você remove a variável geografia da equação, pelo menos por enquanto: Sem dúvida nenhuma, a barreira para se aceitar um compromisso telefônico é muito mais baixa do que para um encontro presencial. Claro, se o papo for bom, você vai marcar uma conversa presencial. Mas, no começo, mantenha a porta aberta.

 

Insight 2 – Entrevistas por Skype tem melhor aceitação

Existe um estigma de que perfis mais técnicos se sentem menos à vontade para interações pessoais. O estereótipo do nerd é aquele sujeito pouco sociável, que prefere passar seu tempo no computador.

Não conseguimos confirmar ou refutar o estereótipo, mas temos o seguinte dado: para as carreiras técnicas oferecidas pela Contratado, taxa de recusa de entrevistas presenciais chega a 40%, enquanto esse valor é irrisório para entrevistas por Skype.

O candidato se sente mais à vontade e se engaja mais no processo, aumentando as chances de sucesso.

Aqui, basicamente a ideia é ter um volume maior de candidatos no topo do funil de contratação, que é uma tecla que não cansamos de bater. Para sua empresa conseguir realizar uma contratação com sucesso, precisa não só atingir o máximo número de candidatos qualificados possível, mas também engajá-los ao longo do processo.

Insight 3 – Entrevistar candidatos por Skype converte mais (processo humano E eficiente)

Uma das coisas que destaca empresas campeãs em atração de talentos é a sua preocupação com o Candidate Experience – a experiência do candidato ao longo do processo. Candidatos satisfeitos com o processo não apenas se engajam mais, como também falam bem da sua empresa para seus amigos e geram um maior número de indicações.

E uma primeira entrevista por Hangout ou Skype pode ser muito útil nesse sentido. Veja o porquê:

  • Você evita que o seu processo seja frio: não há nada pior do que quando empresas colocam um teste *antes* da primeira conversa. O candidato se sente “mais um” e não tem a chance de se engajar com o seu potencial novo empregador de um modo humanizado. O processo fica frio. Fazer uma primeira conversa online com um candidato elimina esse efeito.
  • Você garante que o processo seja eficiente: a alternativa extrema ao ponto acima seria um engajamento profundo (e presencial) com o candidato logo de cara. Porém, isso é ineficiente e custoso, e você com certeza não quer perder tempo com candidatos que logo de cara mostram não ser um fit legal com a empresa.

Em resumo: entrevistar por Skype = processo humano + processo eficiente. E isso tem se mostrado verdade nos nossos dados, visto que as empresas campeãs em atrair talentos (primeiro quartil) fizeram 44% das entrevistas iniciais por Skype ou Hangout.

 

Mais dicas práticas sobre usar Skype para contratar melhor:

  • Adicione o candidato no Skype ou Hangout algumas horas antes do encontro marcado. Sempre mande um email para o candidato quando você ficar online, para evitar que bugs ou problemas de conexão sejam mal-interpretados como desinteresse da outra parte. Às vezes o problema é técnico!
  • Não se limite ao Skype e ao Hangouts. Alavanque outras ferramentas:
    • Appear.in – Incrivelmente rápido, não exige instalação e você pode criar “salas de conversa” automaticamente simplesmente digitando appear.in/[qualquer coisa] no seu browser. Tipo assim.
    • Join.me – 100% online e permite compartilhar telas e espaços de colaboração. Excelente para ocasiões onde você (ou o candidato) precisa apresentar algum material ou resolução de desafio
    • Facetime – Plataforma da Apple, nativa em todos os Macs e iPhones (não exige instalação de nenhum software). Além de possuir vários recursos, tem a vantagem de permitir a conversa usando um iPad ou iPhone.
  • Ao usar a Contratado.me para originar seus candidatos, você pode sinalizar logo no agendamento que a entrevista será por Skype/Hangout. Com isso, os compromissos enviados automaticamente para a sua agenda (e para a do candidato) já terão essa informação.

 

Bons motivos para criar uma rotina ágil, aumentar a conversão, prezar pelo candidate experience e diminuir custos. Com uma câmera, boa conexão na internet e ambiente tranquilo, esse sonho de tornar os processos de seleção mais dinâmicos ficam mais próximos.

Gostou do que leu?

Então, acesse aqui a parte 2 de nossas dicas